Início » OAB/AL completa 92 anos de atuação em defesa da advocacia e em prol de toda a sociedade

OAB/AL completa 92 anos de atuação em defesa da advocacia e em prol de toda a sociedade

Muitas são as conquistas que podem ser elencadas até aqui, mas também são diversas as lutas travadas diariamente para levar dignidade e respeito aos advogados e advogadas do estado

A Ordem dos Advogados do Brasil em Alagoas (OAB/AL) completou, nesse domingo (21), 92 anos de muitas lutas e conquistas em prol da advocacia. Desde que foi criada, foram incontáveis vitórias, como a conquista da sede de Jacarecica, a interiorização dos trabalhos e, mais recentemente, a realização de conferências e congressos voltados para a área, o que tem colocado o estado no circuito de grandes eventos jurídicos do país. 

Mas como o tempo não pára e todos precisam sempre crescer e evoluir, muitas lutas continuam e continuarão sendo travadas pela Ordem. Uma delas é o respeito às prerrogativas dos advogados e advogadas, que tem sido uma batalha constante da atual gestão. 

No último ano, Alagoas recebeu a Caravana Mais Prerrogativas pelo Brasil, que percorreu instituições em Maceió e Arapiraca, conscientizando servidores sobre os direitos dos advogados e advogadas. Além disso, esteve presente em diversas ocorrências de violação de prerrogativas, mostrando que a Ordem está atenta e atuante. 

Muitas também têm sido as ações voltadas à interiorização da instituição para que os benefícios ofertados pela OAB Alagoas cheguem a todos os advogados e advogadas do estado. Para isso, estão sendo feitos diversos investimentos, como a construção da sede da subseção do Vale do Paraíba, em Atalaia; e a ampliação da sede da subseção de Arapiraca, no Agreste do estado. 

Em Maceió, a sede histórica da OAB/AL no Centro da cidade vem passando por um processo de restauração. Quando estiver pronto, além de um espaço adequado para receber toda a advocacia, o local também contará com café, centro médico e até um memorial, que vai contar parte dos 92 anos de trajetória da Ordem. 

“Com muito trabalho, esforço e investimento, a OAB Alagoas tem conquistado cada vez mais espaço e levado mais conforto e dignidade à classe, que hoje conta com salas da advocacia espalhadas pelo estado, onde podem encontrar um local adequado para receber clientes, fazer petições rápidas e trabalhar”, conta o presidenta da Ordem, Vagner Paes. 

Os grandes eventos que têm sido realizados pela OAB Alagoas também têm deixado uma marca na advocacia do país, como o Congresso Nacional de Direito Previdenciário, que este ano estará em sua terceira edição e é considerado um dos maiores eventos do segmento no país, além do OAB Law Trend, que já se consolidou como o maior evento sobre tecnologia e direito do Brasil. 

Com mais de 65 comissões, a Ordem em Alagoas também tem trabalhado em prol da sociedade em geral, recebendo denúncias, tirando dúvidas e orientando sobre como proceder nos casos de violações de direitos. São atuações em diversas áreas e em defesa dos Direitos Humanos, dos idosos, da comunidade LGBTQIA+, da criança e do adolescente e da mulher. Um porto seguro para os cidadãos que não sabem para onde ir e nem o que fazer em determinadas situações. 

“A OAB se tornou uma entidade que vem atuando não só em defesa da advocacia, mas de toda a sociedade alagoana. Aqui, os cidadãos encontram um lugar que está sempre de portas abertas para recebê-los. Seja para fazer uma denúncia, para buscar alguma orientação ou para acompanhar casos de violações de direitos”, conta Vagner. 

Somente em 2023, foram mais de 60 atendimentos a mulheres vítimas de violência feitos pela OAB Alagoas, mais de 180 denúncias de violação de direitos humanos e mais de 400 pessoas assistidas, com a garantia de direitos fundamentais. Dez denúncias de intolerância religiosa e outras 25 de racismo, injúria racial e racismo religioso também chegaram à Ordem ao longo do último ano. 

Além disso, a OAB/AL atuou, somente em 2023, em mais de 270 casos de violação de prerrogativas. Foram registradas, ainda, mais de 30 denúncias de práticas irregulares e falso exercício da advocacia. 

Noventa e dois anos já se passaram desde a criação da OAB seccional Alagoas, em 21 de janeiro de 1932, e apesar de todas as conquistas, muito ainda há de ser feito. “Para isso, estamos sempre atentos, atuantes e vigilantes. No futuro, queremos olhar para trás e aplaudir a bela história que foi sendo construída hoje, assim como olhamos hoje para o passado e nos orgulhamos de toda a trajetória até aqu”, conclui o presidente da Ordem em Alagoas.